A Sociedade de Cardiologia do Estado do Tocantins reconheceu os avanços da Gestão da Saúde no desenvolvimento das ações para o crescimento da Cardiologia e Cirurgia Cardíaca no Estado.
Fonte Laiany Alves/Governo do Tocantins

O Secretário de Estado da Saúde, Dr. Edgar Tollini, foi condecorado na última segunda-feira, 18, pela Sociedade de Cardiologia do Estado do Tocantins (SOCETO), com diploma de reconhecimento pela contribuição dada para o desenvolvimento da Cardiologia e Cirurgia Cardíaca no Estado, ação de reconhecimento pelo trabalho de toda equipe da atual gestão.

Entrega do certificado de reconhecimento para Gestão da Saúde.

Ao longo deste ano, diversas ações foram desenvolvidas para a consolidação dos atendimentos cardíacos no Tocantins, empenho que reduziu a mortalidade por doenças relacionadas ao coração e está garantindo os atendimentos da população em território tocantinense.

Para o presidente da SOCETO, Dr. Wallace André Pedro da Silva, houve melhoras significativas nos atendimentos cardíacos no Estado. “Tínhamos problemas nas cirurgias cardíacas adultas e pediátricas, a atual gestão conseguiu retomar os atendimentos realizados no Hospital Geral de Palmas (HGP) e iniciou as cirurgias cardíacas pediátricas em Araguaína, isso fez com que a mortalidade dos pacientes que estavam na fila reduzisse sem a necessidade de deslocamento dos pacientes para outros Estados”, salientou. “Temos profissionais capacitados para este atendimento aqui, agradecemos na pessoa do secretário, Dr. Edgar Tollini, os esforços para contribuir com a redução da mortalidade dos pacientes cardiopatas graves do Estado”, destacou o presidente.

Avanços na cardiologia garantiram aumento dos atendimentos: em 2018 apenas sete pacientes foram operados no HGP, este ano já conta com 35 cirurgias realizadas.

O secretário de Estado da Saúde do Tocantins, Dr. Edgar Tollini, agradeceu o reconhecimento e destacou os avanços, “nos últimos seis meses conseguimos zerar a fila de procedimentos hemodinâmicos por meio de mutirões dentro do HGP, reabrimos o serviço de cirurgias cardíacas (revascularizações – cirurgias cardíacas abertas) que estava fechado na unidade desde setembro de 2017. Hoje o melhor serviço cardíaco prestado no Estado está no HGP, com tempo preciso de atendimento. Em 20 minutos um paciente é recebido no hospital e faz um procedimento de cateterismo diagnóstico ou uma angioplastia (implantação do stent) com alta taxa de sucesso e baixa taxa de internação”, declarou.

Outra vitória da gestão é a realização das cirurgias cardíacas pediátricas em Araguaína, destacada por Dr. Wallace, com quatro procedimentos realizados e a previsão de mais seis ainda em 2019. “Os pacientes estavam nas filas de espera para realizarem a cirurgia fora do Estado, foram atendidos em Araguaína e já receberam alta”, comemorou Tollini.

O coordenador da Cardiologia do HGP, Dr. Eurípedes Barbosa Ribeiro também destacou os avanços na área. “Em 2018 operamos sete pacientes no HGP, este ano já foram operados 35. Na Hemodinâmica não há fila de espera, estamos buscando agora os pacientes eletivos, na fila do ambulatório temos 15 pacientes que estão sendo chamados e as cirurgias ocorrendo. No HGP não era possível fazer um atendimento de urgência, o paciente era transferido, hoje temos equipes completas e gradativamente o serviço está crescendo, precisamos agora de mais salas cirúrgicas que estão sendo ampliadas no hospital e leitos de UTI que a gestão está providenciando”, explicou.

Investimento

A SES está demonstrando o comprometimento do Estado em melhorar os atendimentos da Saúde gradativamente. O próximo passo é iniciar os procedimentos hemodinâmicos pediátricos cardíacos dentro do HGP (diagnósticos e tratamento). O Estado está investindo na área e já adquiriu um novo equipamento de hemodinâmica para o hospital, que tornará os atendimentos ainda mais céleres.

Na região de Gurupi está sendo feito credenciamento de serviço de hemodinâmica, por meio de convênio particular contratado a preço SUS, “estamos fechando as grandes regiões do Estado (Palmas, Araguaína e Gurupi), garantindo atendimento cardíaco para todos”, garantiu o secretário.

Fotos: Nielcem Fernandes e André Rezende.


Compartilhar:

Deixe seus Comentario